Linhas de Pesquisa

Arqueologia e Antropologia

 

Pesquisa

Desenvolver sob o enfoque da Arqueologia regional projetos de pesquisas que objetivem a sistematização de fontes de diversas naturezas com vistas à compreensão da configuração espacial, cronológica e quem sabe cultural da região, fornecendo subsídios para o estudo de coleções arqueológicas alocadas em espaços museais ou em laboratórios de Arqueologia. Mais especificamente, visa discutir questões que envolvem problemas de continuidade, ruptura ou simultaneidade de diferentes culturas, a partir de evidências materiais e seu confronto com as informações históricas e etno-históricas disponíveis para a região.

Caracteriza ainda por possibilitar que alunos do curso de Museologia tenham a oportunidade de participar do processo de investigação arqueológica, ampliando com isso o leque de especializações disponíveis ao futuro profissional.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Gestão de Coleções

 

Pesquisa

Análise sobre a historicidade de instituições e processos museológicos e os respectivos impactos socioculturais; tratamento, estudo, documentação e inventariação das peças ou coleções visando a análise, e proposição de procedimentos de gestão  no que se refere às distintas possibilidades metodológicas, com vistas ao gerenciamento da informação / investigação  museológica.

Conceituar e realizar atividades práticas de gestão de coleções museológicas e arquivísticas, discutir e praticar procedimentos e técnicas de gestão de coleções focadas em sua documentação, armazenagem, mobilidade, segurança e difusão, a partir das tecnologias tradicionais e novas tecnologias; além de propiciar a reflexão sobre o papel atual dos espaços museológicos e sua relação intrínseca com suas coleções, a gestão do patrimônio cultural e sua vinculação com as políticas públicas.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Museologia e Patrimônio

 

Pesquisa

Museu, Cultura e Sociedade. Estudos com a proposta principal em um debate que envolve as novas formas de colecionamento e patrimonialização de objetos e manifestações culturais na sociedade contemporânea, difundindo o conhecimento proveniente de trabalhos acadêmicos específicos da área da Museologia. Representar fragmentos da memória social; como relações entre coleções, narrativas e trajetórias sociais. Neste caso, as contribuições na articulação de conceitos como, museu, patrimônio, documento, memória e identidade, são fundamentais em ações que compõe o domínio de construção do objeto de estudo.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Museologia e Processos Museais Aplicados

 

Pesquisa

Estabelecer e estudar a aplicação dos conceitos museológicos em processos de musealização tradicionais ou inovadores. Analisar e desenvolver novas metodologias de preservação, documentação, pesquisa e comunicação museológica, inclusive as ações educativas, e gestão no contexto dos museus ou processos museais.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Museologia, Artes e Memória

 

Pesquisa

Estimular estudos que estabeleçam diálogos entre a Museologia, as Artes e a Memória, que relacionem universos de referências culturais, obras e processos artísticos no tempo e no espaço, onde se inclui então acervos museológicos, monumentos,  objetos e todos os outros produtos oriundos do fazer artístico ricos em memórias e histórias. Instigar o desenvolvimento de pesquisas que proporcionem o conhecimento sobre os conceitos, tematizações e práticas inerentes ao campo artístico e seu tratamento, especificamente no que diz respeito ao ambiente local, materializado nos monumentos edificados e nos bens artísticos localizados nestes monumentos e nos museus da região. Por fim, de maneira específica, estimular, no campo museológico, ações que impliquem na realização de inventários, catalogação, documentação, reflexão e investigação histórico-técnico-científica de coleções artísticas, monumentos e dos saberes e fazeres envolvidos no mundo das artes.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Museologia, Museus e Gênero

 

Pesquisa

Até o presente momento a Museologia pouco sistematiza estudos e levantamentos relativos às questões de gênero. Entretanto, não deve ignorá-las por muito tempo mais. Maria Margareth Lopes, ao referenciar a revista Museum, que no ano de 1991 dedicou uma das suas edições ao tema museus e mulheres destaca que: "entre diversos aspectos, constatou, com certa surpresa, que as mulheres têm atuado, e de forma decisiva, nos museus há séculos, embora sua ação não venha sendo exatamente reconhecida". (LOPES, 2006, p 41). A presente linha de pesquisa visa preencher em parte esta lacuna pondo em evidência aspectos teóricos e aplicados ligados à prática colecionista feminina bem como ao investigar as relações de gênero presentes nos museus a partir de análise de público visitante entre outras investigações possíveis.

Ver também: Linhas de Pesquisa

Preservação e seus meios

 

Pesquisa

Visa debater questões que abordam estratégias de preservação e conservação adotadas por cidades históricas, instituições públicas e privadas e coleções que se encontram à margem das consideradas principais produções do homem, com atenção para os elementos do patrimônio tangível e intangível. Construções de identidades e de paisagens culturais são observadas nas pesquisas com o objetivo de investigar os sinais e os significados atribuídos pelos sujeitos. Através das narrativas e das práticas espaciais buscamos expor os sentimentos de pertencimento a partir de uma abordagem etnogeográfica.

Ver também: Linhas de Pesquisa